terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Cores de aromas
Caminhava no ar,prestava atenção nas borboletas.Me facinava as cores de sua asas.Sua mágia entrava e sai de dentro de mim. As vezes me tornava lagarta com medo de virar borboleta e sair voando neste mundo tão grande.As Flores tinham o aroma doce e suave.Maria Flor as vezes fica em silencio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário