domingo, 7 de agosto de 2011

Não digo que estamos antecipadando as horas nesta hitoria que ñ tem tempo certo.Fechei os olhos,e ignorei as regras.Vc veio de mansinho na minha vida,Com um sorriso de moço perdido,eu desatenta cativei em vc é ñ pode voltar.Deixei o tempo ser nosso, fugindo de todos os padrões impostos pela sociedade,ilustando nossa historia de acordo com nossas vontades,me entreguei aos dias,Um dia de cada vezes.Eu desejo que fique por perto,mas que presente.Adormeci no teu colo algumas vezes.Engoli um " Eu te adoro".Maria Flor vive dias de coração vermelho...