domingo, 23 de setembro de 2012

Existia um lindo Beija flor no meu modo de enxergar setembro. Ele permanecia lá, aninhado no Calor do meu corpo. Ele era todo Azul. Pensei em toda trajetória que   existia com as flores junto a ele. Nas cores, No brilho do sol. Como era lindo? Eu só pensava como era simples olhar a beleza das coisas, andei dentro de mim e senti o calor da minha alma. Senti paz. Por Favor? Permaneça por aqui. As arvores floridas exalavam seu perfume por toda parte. Meu coração se manteve em silencio. Me senti tão pequenina quando olhei para o céu.
Lembrei da minha infância como era simples sorrir.Eu ainda tinha pureza naquele momento. Sentia verdade na natureza. Ali não tinha mentiras, nem explicações. Era simplesmente o que é. Cadê aquela sensação de teorias absurdas. Quantas vezes surtei com elas. Sem motivo. Mas agora acha que é verão”. E o céu ainda esta no mesmo lugar. porque estava escuro tanto tempo, talvez o beija flor tinha adormecido das mentiras da minha alma. Voltei a dançar com meus lindos tecidos coloridos. Isso esta me fazendo tão bem. Ate o brilho do meus olhos mudou. Também voltei a estudar, minha segunda  faculdade. Letras. Estou amando. Quem sabe assim supere meus medos de escrever errado minha vida e as palavras. Só sei que o beija flor esta lá novamente. Eu ainda tenho medo, na maioria das vezes Logo o sol irradia toda sua rebeldia e eu terei que me arrastar para mais um dia. Maria Flor senti o gosto de dias diferentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário