sábado, 2 de fevereiro de 2013


Clareou o dia hoje é dia de iemanjá. Dizia para mim mesmo que insistentemente era preciso levantar. Como diria o Chico na musica “Apesar de você”:
Apesar de você amanhã a de ser outro dia. O passado resolveu aparecer ontem.
Mas o dia este tão lindo! Que resolvi comprar rosas brancas para iemanjá. Despertei neste sábado lindo. Olhei para espelho e vi meu rosto, meio preguiçoso. Lavei o rosto e decidi não pensar. Melhor assim.  Cantarola para esquecer as lembranças tristes e a alegria entrar. Todo dia é dia de deixar a esperança entrar. Maria Flor é tão imatura. Parece ter 12 anos às vezes. Mas o dia segue como flores coloridos, correm sem parar na minha mente para acalmar meu coração.
A gente leva e releva essa vida. Agente ri agente chora é inevitável não reparar no tempo antes que ele nos derrube. Embora o tempo seja a melhor cura para despertar sorrisos, ontem me pareceu que um simples, como vai! Estivesse mesmo capaz de espantar á luz do luar e clarear as estrelas com um simples olhar. Os meus olhos não conseguiram, porque  o véu que cobre meu coração ainda esta machucado. Já passou eu sei. Ninguem  tem culpa! Não planejei um encontro casual, mas minha reação foi estupida. Só quero  não pensar, não pensar. Acho que pela primeira vez aprendi a bailar conforme a canção, Ou talvez a canção toca conforme a gente baile.
 Ontem me senti como se estivéssemos congelada.
 Eu juro que não desejo nada de mal só apenas sou tola. Continuo tola o suficiente.
Só estou tentando conseguir virar as páginas  marcadas de branco e preto. 
Sexta- Feira  foi o dia do cenario de  estrelas brilhantes e nuvens algodão. Com carros e uma calçada separando Sol e a Lua. Que um dia se encontram, más por ser tão diferente a vida o separou.  Pareci-os tão iguais. Calma Maria Flor passou. Todos têm que fazer escolhas. Mentalmente tenho mania de lembrar-se de nada que deve ser importante. Afinal lembrar dos erros não é o certo. Nem da dor. A dor serve para crescer não lembrar.Maria Flor vive dias de silencio..

Nenhum comentário:

Postar um comentário