quarta-feira, 10 de julho de 2013

Nossa consegui arranjar um tempo de escrever meus textos.
A vida de Maria Flor anda meio corrida.
Hoje despertei com o coração apertado. Desviei meus pensamentos antes que eles levassem de mim qualquer lembrança triste. A madrugada sempre é minha amiga em dias de frio. Esta foi de lembranças pequeninas, ainda era madrugada. Ou quase de manhã. Permaneci um estante observando o teto. Era a insônia. Já faz um tempo, eu sei. Desde que á vida seguiu.  Eu sei que muita coisa mudou. E normal que mude. Mas Maria Flor  continuo a mesma moça de coração mole e ainda permanece  dormindo do lado direito da cama, em dias de frio se aquece abraçando seu travesseiro do lado direito da cama. Faz muito tempo, eu sei. Mas Maria Flor tem o péssimo habito de guardar dentro de si detalhes pequenos. Acho que por isto ando ouvindo muito a linda da Roberta Sá. O modo lindo que sua voz entra na minha alma me faz lembrar de dias felizes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário