terça-feira, 19 de agosto de 2014

Ontem o sol voltou. Maria Flor permaneceu debaixo do sol com cores multicoloridas em seus braços. Seu coração voltou a se aquecer.  O brilho do sol refletiu em seus olhos ofertando bons votos para um universo harmonioso e cheio de momentos de felizes.
Ainda permaneço atenta aos golpes inesperados que insistem em ficar aqui dentro. Em meu sonho infantil todos os sorrisos são sinceros. Verdadeiros. E tão difícil acreditar em uma sincera atitude adulta. Madura. Mas apesar de tudo acredito na esperança de seres humanos banhados de essência. Virtudes simples e verdadeiras. Gestos e traços de pequenas atitudes.
Entendo que cada ser tem seu modo de ser. Sua própria opinião sobre a verdade. Mas o fato é que quase sempre a própria verdade insiste em machucar o mundo a sua volta. Porque a única verdade não é deste mundo terreno. A verdade é feita de silencio.
Maria flor continua a esperar por sentimentos verdadeiros .

Um comentário: