quarta-feira, 16 de março de 2016

 Meus pensamentos foram Roubados dentro da flor.
Admirei como era suave sua beleza. Seu perfume e a simplicidade de detalhes tão pequenos, e frágeis. Ultimamente me sentia assim. Tão desprotegida a fatos e circunstância que não tinha, mas como fugir.  Parecia loucura, mas quanto, mas me protegia, mas doía dentro de mim. Meus dias eram acumulados de lembranças pequenas bloqueadas adentro de mim.  
 Eu dormia e acordava com o coração pesado amarrado dentro do peito com barbante trançado.Eu sei que pareço uma louca amarga e sem a menor nossa. Mas infelizmente não posso permitir que meus sentimentos não  tenham clareza dos fatos. Não posso machucar o mundo a minha volta com meus medos pequenos.
 Seria muito egoísmo da minha parte descontar todo meu sentimento de frustração a minha volta.
Acontece que eu sinto tanto não conseguir mostrar o quanto é grande o que sinto. O quanto vive aqui dentro e pulsa. Sabe quanto você olha e tem aquela vontade imensa de dividir o seu mundo com alguém? Que parece tão parecido com você! Que você quer disser tanta coisa e mostrar ao mesmo tempo. Mas você estraga tudo no pequeno detalhe de simplesmente não conseguir ser quem você realmente é. Mostrar quem você  é realmente?
 É simplesmente patético eu sei leitor. Mas o fato é que algo dentro de mim não me deixa. Já desisti eu juro!  Mas não queria de verdade. E mas forte que eu. Por mas que eu tente. Quero acreditar que a pequena diferença dos mundos que existe entre nós, me leve para longe.  Algo que não esteja, mas dentro de mim, sei la!
Qualquer detalhe minúsculo ou maiúsculo que me faça acreditar seriamente que você não existe dentro de mim.  Não me recordo quando foi que tua pele sequer me lembra do cheiro que ela tinha, mas os detalhes ficaram tatuados em mim de tal forma que as lembranças ficaram fortes. Já não luto mais contra ela. Aprendi a compreender que as coisas realmente são porque algum dia existiram.

Queria ter esta facilidade de ter um coração que ame outras pessoas, mas facilmente. Mas infelizmente não sou assim. Acredito que tudo tem seu tempo. E o meu vai chegar. Qualquer hora eu vou ser feliz e aprender a ser mas leve aqui dentro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário